Siga-nos:

25 figuras femininas históricas

 
Cultura & viagens

25 figuras femininas históricas

Mulheres famosas

Para celebrar o Dia Internacional da Mulher – 8 de Março – compilamos uma lista de 25 figuras femininas históricas que marcaram o mundo graças às suas vidas e feitos extraordinários. Embora extremamente curta, esta lista é suficientemente rica para servir de inspiração às mulheres do século XXI. Feliz Dia da Mulher a todas!

  1. Amelia Earhart: aviadora pioneira, estabeleceu inúmeros recordes no universo da aviação antes de ter desaparecido nos céus em 1937 quando tentava dar a volta ao mundo. Enquanto mulher de coragem e numa época em que os movimentos femininos organizados perdiam o seu fôlego, serviu de motivação para que estes continuassem as suas lutas. 
  2. Anne Frank: quem nunca leu o diário desta jovem adolescente judeia que, embora se tenha escondido dos Nazis durante muito tempo, não sobreviveu ao campo de concentração depois da sua captura – uma vida inesquecível, um relato de esperança no seio de um dos capítulos mais negros da humanidade.
  3. Catarina, A Grande: depois de ter destituído o marido dos seus poderes governou a Rússia com uma mão de ferro, conseguindo a expansão do país até à Europa Central e às margens do Mar Negro.
  4. Charlotte Brontë: uma das três irmãs Brontë – escritoras brilhantes do século XIX – Charlotte ficou célebre pela sua obra “Jane Eyre” – baseada nas suas próprias experiências pessoais. Um talento excepcional que desapereceu demasiado cedo.
  5. Cleópatra: a última Faraó do Egipto foi, literalmente, uma mulher de armas – as suas famosas ligações românticas a Júlio César e Marco António ficam para segundo plano quando lembramos que esta mulher preferiu morrer ao ser capturada quando depois de uma longa batalha não conseguiu salvar o Egipto de cair nas mãos dos romanos.
  6. Coco Chanel: um ícone da moda e uma das melhores estilistas do século XX, revolucionou a forma como as mulheres se vestiam, servindo de inspiração ainda hoje, não estivesse o seu legado ainda bem vivo, assim como as suas célebres palavras – "A moda é feita para passar de moda".
  7. Diana, a Princesa de Gales: conhecida como a “Princesa do Povo” entrou nos nossos corações graças ao seu romance conto-de-fadas, às dificuldades vividas num casamento muito público e pouco feliz, ao seu trabalho humanitário incansável e à sua morte que veio cedo demais.
  8. Eleanor Roosevelt: esposa do presidente dos Estados Unidos, Franklin D. Roosevelt, foi os seus “olhos e ouvidos” quando o presidente deixou de poder viajar devido à sua invalidez. Deu particular atenção aos direitos cívicos – muitas vezes com uma visão muito mais à frente do que à do seu marido e dos americanos em geral – e foi um elemento chave na constituição da Declaração Universal dos Direitos Humanos das Nações Unidas.
  9. Elizabeth Blackwell: foi a primeira mulher no mundo a licenciar-se em medicina e, a partir de então, dedicou-se à educação feminina na área da medicina.
  10. Florence Nightingale: quase se pode dizer que se deve a esta senhora a invenção da profissão de enfermeira, tendo sempre trabalhado no sentido de estabelecer condições de higiene e segurança nos hospitais militares, numa altura em que era mais frequente os soldados morrerem de infecções do que das próprias lesões de combate.
  11. Golda Meir: política e activista dos direitos dos trabalhadores, foi a quarta primeira-ministra de Israel e a segunda mulher a exercer esse cargo no mundo. Foi durante o seu mandato que se travou, entre israelitas e árabes, a Guerra Yom Kippur.
  12. Indira Gandhi: seguiu as pegadas do pai como primeira-ministra da Índia, trabalhando arduamente no desenvolvimento do país até ser assassinada em 1984. Dois dos seus filhos também seguiram o seu exemplo.
  13. Isadora Duncan: deve-se a esta mulher a introdução da dança contemporânea ao mundo durante o final do século XIX e início do século XX, tendo fundado várias escolas de dança um pouco por todo o globo. Viveu e morreu envolta de várias tragédias (perdeu 3 filhos em acidentes trágicos e o marido suicidou-se; ela própria morreu acidentalmente), mas sempre brilhou em cima do palco, onde teve a coragem de se exibir sem pudores (mostrando pernas e braços numa época de grande pudor) e encantar fãs em todo o mundo.
  14. Katharine Hepburn: uma das mais aclamadas actrizes do seu tempo (ganhou 4 Óscares), protagonizou vários papéis de mulheres fortes e independentes, contrariando a ideia de que eram os papéis femininos “tradicionais” que vendiam mais bilhetes de cinema.
  15. Lucille Ball: conhecida pelos seus papéis de grande sucesso em séries televisivas, também encheu a grande tela de Hollywood várias vezes, ficando ainda conhecida por ser uma empresária muito bem-sucedida – sabia que foi a primeira mulher proprietária de um estúdio de cinema? 
  16. Madre Teresa de Calcutá: natural da Jugoslávia, entregou-se desde muito cedo à sua vocação religiosa, onde sobressai uma vida inteira dedicada a ajudar os pobres. Por isso, e muito justamente, ganhou o Prémio Nobel da Paz.
  17. Margaret Thatcher: foi a primeira mulher a ocupar o cargo de primeira-ministra na Europa, sendo ainda o político que mais tempo ocupou esse cargo em Inglaterra desde 1827. Ficou especialmente conhecida pela retoma britânica das Ilhas Falkland da Argentina.
  18. Margaret Sangre: depois de verificar, de perto e ao vivo, o sofrimento das mulheres que se viam confrontadas com gravidezes não planeadas e indesejadas, dedicou a sua vida à enfermagem e a ajudar a população feminina a obter informação sobre e medicamentos contraceptivos.
  19. Maria Eva Duarte de Peron: mais conhecida como Eva Peron or Evita Peron, foi uma actriz que, depois de ter casado com o argentino Juan Peron ajudou-o a conquistar a presidência do seu país, passando a dedicar-se ela mesma, e com grande paixão, à política e aos direitos dos trabalhadores.
  20. Marie Curie: a primeira mulher cientista de relevo reconhecida como tal, é considerada a “mãe da física moderna” graças ao seu importante trabalho de investigação na área da radioactividade. Ganhou dois prémios Nobel – da Física, em 1903; e da Química, em 1911.
  21. Marilyn Monroe: a mulher pin-up mais famosa de sempre, poucas devem saber que a actriz foi descoberta enquanto trabalhava numa fábrica de defesa da II Guerra Mundial e, a partir de então, emprestou um glamour nunca visto às mulheres dos anos 40 e 50.
  22. Mary Shelley: escritora britânica e autora da célebre obra “Frankenstein”, sabia que ela escreveu o livro porque foi uma aposta feita entre o seu marido, o poeta Percy Shelley e o amigo deste, Lord Byron?
  23. Rachel Carson: pioneira do movimento ambientalista, esta escritora, cientista, biólogo marinha, ecologista e ambientalista não descansou enquanto não sensibilizou os americanos e o mundo para as questões ambientais. Felizmente, conseguiu.
  24. Sally Ride: foi uma tenista de renome que trocou o desporto pela física, acabando por ser a primeira mulher astronauta americana a viajar para o espaço. Continuou a sua carreira na NASA e como professora de ciência.
  25. Virginia Woolf: escritora britânica de renome, no início do século XX, as suas palavras, nomeadamente a memorável obra "A Room of One's Own," afirmavam, defendiam e incentivavam o potencial criativo de todas as mulheres.
Comentários (4)
carlos deJesus Sampaio
Sexta, 23/08/2013 - 06:45
Os seus ponto de vistas contribau para socidade timorense na formacaoa da cidadania.
Gabriela Muniz
Domingo, 16/11/2014 - 15:38
Todas históricas e importantes, assim como muitas outras mulheres que não estão na lista. Vale lembrar que Mary Shelley era filha da Mary Wollstonecraft, uma das primeiras a defender o movimento e princípios feministas.
Ingrid Winter
Sexta, 06/03/2015 - 15:31
Vinte e cinco eh apenas uma amostra. Temos uma infinidade de mulheres talentosas com trabalhos importantes. Vale mencionar a brasileira ZILDA ARNS que fez um trabalho lindo junto aos necessitados.
Camila Rodela
Sexta, 06/10/2017 - 00:14
Olá amigos, meu nome é Camila Rodela e eu sou de Michigan, Estados Unidos. Estou aqui para testemunhar as boas obras de DR.OGAGA ​​KUNTA em minha vida. Meu marido e eu casamos há 27 anos com dois filhos. Dois anos atrás, tudo acabou. Eu queria meu marido de volta e eu o implorei, mas ele nunca ouviu, então, eu encontrei vários depoimentos sobre esse lançador de feitiços em particular. Algumas pessoas testemunharam que ele trouxe seu amante Ex de volta, alguns testemunharam que ele restaura o útero e cura câncer, e outras doenças, alguns testemunharam que ele pode lançar um feitiço para parar o divórcio e também soletrar para obter um trabalho bem remunerado assim por diante. Ele é incrível, eu também encontrei um testemunho particular, era sobre uma mulher chamada Vera, ela testemunhou sobre como ele trouxe de volta seu amante Ex, e no final de seu depoimento ela deixou seu email. Depois de ler tudo isso, eu decidi para tentar. Entrei em contato com ele por e-mail e expliquei meu problema para ele. E ele me disse o que eu preciso fazer, eu fiz e meu marido voltou para mim. Nós resolvemos nossos problemas, e nós ficamos ainda mais felizes do que nunca. DRAGOGA KUNTA você é um homem dotado e não vou parar de publicá-lo porque ele é um homem maravilhoso. Se você tem algum problema e está à procura de um verdadeiro e genuíno conjurador de feitiços, experimente-o a qualquer momento, ele é a resposta para seus problemas. Você pode contatá-lo por e-mail: [email protected] e resolver seus problemas como eu. Ele pode resolver os seguintes problemas e muito mais.(1) SE VOCÊ QUER O SEU EX-BACK(2) VOCÊ QUER CONVIVER SEU MARIDO PARA PARAR O DIVÓRCIO (3) VOCÊ QUER SER PROMOVIDO NO SEU ESCRITÓRIO(4) VOCÊ QUER HOMENS E MULHERES PARA FUNCIONAR ENCONTRAM VOCÊ ATRATIVO(5) SE VOCE QUER CONCEITAR UMA CRIANÇA(6) VOCÊ QUER SER RIC (7) VOCÊ QUER QUE SEU MARIDO AMAR SEU SÓ PARA O DESCANSO DE SUA VIDA (8) VOCÊ PRECISA BOM SORTE(9) VOCÊ PRECISA DE UM SALVO DE LOTERIA(10) VOCÊ PRECISA UM TRABALHO [email protected]