Siga-nos:

Pedicura perfeita em 6 passos

 
Beleza

Pedicura perfeita em 6 passos

Pés com unhas pintadas

De cima a baixo, mimamos o nosso corpo com mil e um cremes e tratamentos, mas não pare nas pernas! Os pés também necessitam de cuidados específicos, sendo que não há nada menos glamoroso do que uma mulher impecavelmente vestida, com umas sandálias lindas de morrer, mas com calcanhares gretados e unhas de fugir! A pedicura caseira é fácil, barata e pode ser feita enquanto vê um episódio da sua série preferida!

  1. A melhor altura para fazer a pedicura é logo depois do banho ou então mergulhe os pés dentro de uma bacia com água quente para assegurar que as calosidades ficam moles. Assim, são mais fáceis de eliminar! Comece por esfoliar os pés – existem vários produtos específicos para este efeito – um gesto que irá suavizar a pele e retirar células mortas, seguida da remoção das calosidades presentes no calcanhar e sola dos pés – aconselhamos o uso de uma lima própria ou uma pedra-pomes.
  1. Com uma toalha macia, seque muito bem os pés, sem esquecer o espaço entre os dedos. Para além de ser fundamental lavar sempre muito bem estes pequenos recantos, é igualmente importante secá-los completamente, para evitar a acumulação de humidade que, por sua vez, pode originar micoses desagradáveis e muitas vezes difíceis de tratar.
  1. Retire o verniz velho com uma acetona suave, seguindo-se a aplicação de um amaciador/removedor de cutículas – um produto excelente que deve deixar actuar durante cerca de um minuto. Depois, e com recurso a um pauzinho de laranjeira ou uma espátula própria, empurre as cutículas para trás e para os lados, mas de forma muito cuidada – esta zona é muito sensível! Lave os pés para retirar o produto e examine as cutículas: o ideal é não cortar porque se o fizer de forma errada, pode desencadear uma inflamação incómoda. Deixe essa tarefa para uma pedicura profissional se não tiver muita experiência! Porém, se verificar alguns cantos mais secos, pode retirá-los, cuidadosamente, e sempre com recurso a um alicate próprio.
  1. Dispense definitivamente o seu velho corta-unhas, optando antes por uma tesoura, de preferência de formato recto. Unhas bonitas e saudáveis exigem um meio-termo, ou seja, nem muito compridas – contribuem para a acumulação de sujidade; nem muito curtas – para evitar unhas encravadas e dolorosas! Passe a lima nas unhas que requerem uma suavidade extra. Se, mesmo assim, está descontente com o aspecto das suas unhas, principalmente se apresentam estrias e um tom amarelado, devolve-lhes a sua textura lisa e aspecto rosado com um polidor de unhas.
  1. Segue-se a parte mais divertida – escolher o verniz! Alterne entre cores fortes – que têm de ser retocadas mais frequentemente – e cores suaves, que conferem um look mais sóbrio aos seus pés, disfarçando bem eventuais lascas. De pincel na mão, aplique primeiro um verniz-base, deixando o secar bem. Repita com duas camadas do verniz escolhido…enquanto secam, aproveite para descontrair! Uma vez seco, o toque final: uma camada de top coat ou finalizante, que vai assegurar a longevidade do seu verniz! Os separadores de dedos são um acessório óptimo para garantir uma aplicação perfeita à primeira e sem esborratar.
  1. No final, e antes de arrumar o seu kit de pedicura, aplique um bom creme hidratante aos seus pés, aproveitando para massajá-los. Agora calce aquelas sandálias de salto alto lindíssimas e seja a inveja das suas amigas! Não se esqueça que a pedicura é uma rotina a manter, faça chuva, faça sol, por isso, não descure os seus pés!
Comentários (0)